A segurança no trânsito ainda é um assunto que rende bastante debate e dúvidas, principalmente entre os gestores de frota de caminhões, devido ao grande número de acidentes que envolvem este tipo de veículo.

As faixas refletivas são um dos recursos mais simples para a segurança da sua frota, além de diminuir despesas. Se tornaram comuns por conta da facilidade de aquisição e aplicação em comparação a outros itens, como freios ABS ou controle de estabilidade. Por isso, a Systemsat preparou este artigo sobre as funções da faixas refletivas e seus benefícios para sua frota de caminhões. Confira!

Faixas refletivas e suas vantagens para frota de caminhões

faixa em frota de caminhões

A função das faixas reflexivas

Talvez você já tenha visto em algum veículo essas faixas com listras brancas e vermelhas, mas nunca soube sua utilidade. As faixas refletivas aumentam a segurança dos motoristas que utilizam rodovias, especialmente em situações de baixa visibilidade, como por exemplo, em caso de chuva, neblina e durante a noite.

O farol possibilita a melhor visão da estrada, mas isso não é suficiente. Para aumentar a segurança, o motorista precisa ter noção das dimensões do caminhão a sua frente: altura, largura e comprimento. As faixas refletivas auxiliam nisso, diminuindo as chances de acidentes. Dirigindo com prudência e segurança, o motorista da sua frota aumentará sua produtividade, diminuindo atrasos e despesas.

O uso das faixas foi regulamentado pelo (Denatran Departamento Nacional de Trânsito) por meio da Resolução nº 366, de 2010. Tanto os caminhões de médio e grande porte quanto os de pequeno deverão aplicar as faixas refletivas. Caso haja o descumprimento, a empresa será multada, sendo a infração de trânsito do tipo grave, podendo ocorrer o recolhimento do veículo.

Onde e como devo aplicá-las?

aplicando faixa em frota de caminhões

As faixas refletivas são responsabilidade dos gestores e dos motoristas da frota de caminhões. Elas devem possuir, pelo menos, um terço da extensão do comprimento e 80% da largura do veículo, segundo a Portaria do Denatran nº 1.164, de 2010.

Caminhões com carroceria tipo baú devem possuir as faixas nas bordas verticais até o topo do veículo. Caso o caminhão possua carroceria do tipo tanque, as faixas devem constar na borda inferior ou no alinhamento central do tanque, na horizontal.

Em veículos que possuem carroçaria tipo siders, até nas Combinações para o Transporte de Veículos e Pallets (CTVPs), a faixa refletiva deverá ser afixada em suas laterais, ao longo da borda inferior ou no bandô, além da traseira.

A aplicação das faixas refletivas pode ser feita na lateral ou na traseira do veículo.

É preciso atentar-se que, caso seja na lateral, as cores devem ser alternadas. Já no caso da traseira, deve-se inverter a ordem das cores: o lado direito deve ser um espelho da traseira.

Cores das faixas

No mercado, há uma grande variedade de cores das faixas, tendo cada uma o seu próprio significado. O gestor da frota de caminhões deve manter seus veículos sinalizados de acordo com a lei, inclusive com as cores que cada um deve apresentar.

As faixas de cor vermelho e branco devem ser utilizadas em veículos fabricados ou importados a partir da data 1º de Julho de 2004 ou em outros antigos que tenham sofrido alguma modificação.

Além disso, deve ser utilizada em veículos que possua o peso total bruto superior a 4.600 kg.

No caso das faixas preto e amarelo, a data válida é a mesma (a partir de 1/06/2004), porém a carga deve ser superior a 3.500 kg. Desse forma, os motoristas saberão, por meio das cores, que o veículo em questão pesa mais, exigindo mais atenção ao ultrapassar, por exemplo, tendo em vista que ele possui mais dificuldade ao frear.

Instruções para motoristas de frotas de caminhões

De acordo com a lei, o motorista deve inspecionar o veículo antes de começar a utilizá-lo, porém, a responsabilidade em caso de qualquer irregularidade será do proprietário da frota de caminhões.

Portanto, instrua seus funcionários a inspecionar os veículos, atentando-se para o estado das faixas reflexivas. É preciso verificar, por exemplo, se não estão cobertas por poeira e se a troca obrigatória das faixas foi feita, caso tenha excedido o período de 7 anos. Além disso, deve-se observar se elas estão no local correto, caso contrário, deverão ser substituídas ou retiradas.

Atenção! É importante frisar que, independentemente do tipo de faixa refletiva que você deve empregar, é primordial checar se elas são homologadas pelo Denatran de forma correta.

Controle sua frota com a solução da Systemsat

As faixas refletivas são itens importantes para segurança, mas vale lembrar que a sua frota deve contar com o melhor software de rastreamento veicular. Por meio dele, o controle dos veículos e a segurança dos funcionários são garantidos, de forma que o gestor consegue atentar-se para qualquer irregularidade em seus veículos. Fale com a sua Central de Rastreamento e peça mais informações sobre nosso sistema de rastreamento para sua frota!

Links úteis:
Rastreamento de frota
Montar uma central de rastreamento
Sistema para rastreamento